A Fundação Universitária Evangélica – FUNEV promove nesta quinta-feira (20), em todas as unidades geridas pela organização, uma campanha de conscientização para a prevenção ao Câncer de Mama e Câncer de Colo de Útero. “Decidimos aderir ao Dia R – Goiás Veste Rosa, uma campanha promovida em Goiás pela Secretaria de Estado da Saúde”, explica o diretor executivo da FUNEV, João Pedro dos Santos.

“Sabemos sobre a importância desse tema e queremos incentivar, em conjunto com a SES-GO medidas para a importância da prevenção, assim como do diagnóstico precoce para preservação da saúde das mulheres que atuam nas unidades. A campanha também é uma forma de mostrar para a sociedade que é necessário haver uma conscientização. Estamos dando exemplo às nossas pacientes”, destaca ainda João Pedro.

Todas as colaboradoras e colaboradores das unidades geridas pela Fundação Universitária Evangélica foram convidados a vestirem roupas de cor rosa, como forma de adesão à campanha estadual.

Ação estadual

Durante todo o mês de outubro, a Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO), por meio da Superintendência de Atenção Integral à Saúde (Sais) e Gerências de Atenção Primária (Gerap) e Secundária (Geras), realiza ações que alertam para a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama e da prevenção ao câncer do colo do útero. Palestras, rodas de conversa, capacitações, além da agenda das Carretas da Saúde no interior, fazem parte da programação do Outubro Rosa, dedicada a disseminar informações e incentivar a prevenção do câncer de mama e de útero.

Tanto os hospitais estaduais como as Regionais de Saúde estão promovendo iniciativas que informem pacientes, familiares e profissionais da saúde sobre a importância do diagnóstico precoce. Cartazes, panfletos e cards foram distribuídos aos municípios, orientando sobre os cuidados para prevenção e, principalmente, incentivando para que as mulheres façam exames anuais para diagnósticos precoces das doenças.

Outubro Rosa em números

Em Goiás, foram registrados 1.208 casos de câncer de mama no ano de 2020. Em 2021, o número passou para 1.232. Com relação aos casos de câncer do colo do útero, foram registrados 760 em 2020 e 725 em 2021. Segundo dados do Ministério da Saúde, 546 pessoas morreram de câncer de mama, em Goiás, no ano de 2020. No mesmo ano, outras 227 mortes foram registradas por causa do câncer do colo do útero.

Eu uso rosa! Use você também.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.